quinta-feira, maio 10, 2007

CONTRA FACTOS, NÃO HÁ ARGUMENTOS

Dr. Castanheira Barros numa recente visita ao Funchal em Janeiro 2007
A vitória de Alberto João Jardim e do PSD – Madeira é o resultado da majestosa obra realizada pelo Governo Regional da Madeira nos últimos 30 anos.
A Madeira é hoje uma das Regiões turísticas mais apetecíveis de todo o mundo.
Os resultados eleitorais traduzem uma estrondosa subida do PSD e uma vertiginosa descida do PS e são também corolário da legítima contestação do povo madeirense à política de José Sócrates para a Região Autónoma da Madeira.
Em vez de aprender com a lição que lhe foi dada, o Governo apressou-se a vir afirmar, através do Ministro das Finanças que não iria alterar a Lei das Finanças Regionais, demonstrando assim e mais uma vez a importância que atribui à vontade popular democraticamente expressa.
Nunca reconhecer os erros cometidos é uma das características do Primeiro-ministro José Sócrates que se tem revelado um especialista na construção de bodes expiatórios, sendo esta a sua mais marcante post-graduação.
Construir bodes expiatórios não está ao alcance de qualquer licenciado em engenharia civil, mas apenas dos mais destemidos, ou seja, dos mais descarados.
Os juízes são os responsáveis pela morosidade processual, os professores pelo insucesso escolar, os polícias pela insegurança, os autarcas pelo deficit.
O Governo em nada erra e nenhuma responsabilidade tem pelo que de mal acontece neste País.
Encerram-se maternidades, centros de saúde, delegações regionais de agricultura. A seguir vêm os tribunais. Só falta mesmo encerrar o Governo.

JORGE M. CASTANHEIRA BARROS
Advogado
Rua do Padrão 112 – 2.º, 3000-312 Coimbra
Telef. 239/723948 Telem. 96/7001667
E-mails: castanheira[at]mail.com e/ou mailto: castanheirabarros[at]hotmail.com

Etiquetas: ,

2 Comments:

Blogger Jardineira aprendiz said...

:)
O poder é um desatino, não é?

Tenho andado sempre à pressa pelos blogues e só hoje vim espreitar. deixei comentário ali embaixo.

Um abraço

quinta-feira, maio 10, 2007 10:04:00 da tarde  
Blogger antónio paiva said...

....................

que impere o bom senso!

que se preserve o que está bem

que os politicos gorvernem, em vez de se governarem

que a sua preocupação, seja o bem-estar geral e não apenas o seu e dos seus correligionários

que quem faz bem seja louvado por isso

que quem faz errado seja penalizado, sem dó nem piedade

............................

Abraço e bom fim-de-semana

sexta-feira, maio 11, 2007 10:49:00 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home





contador