segunda-feira, novembro 06, 2006

NINGUÉM ESTÁ ACIMA DA LEI, DIZ O SÓCRATES...

Comentários para quê???


ANIBAL CAVACO SILVA

Actualmente recebe três pensões pagas pelo Estado, distribuídas da seguinte forma:

¤ 4.152,00 - Banco de Portugal.

¤ 2.328,00 - Universidade Nova de Lisboa.

¤ 2.876,00 - Por ter sido primeiro-ministro.

Podendo acumulá-las com o vencimento de P. R.!

Porque será que, o Expresso, o Público, o Correio da Manhã e o Diário de Notícias , não abordaram este caso, mas trataram os outros conhecidos, elevando-os quase à categoria de escândalos, será que vão fazer o mesmo que fizeram com os outros???

Não será por isto a falência da Segurança Social?

................[€]..................

Entretanto o PS é impoluto!!!












A dita menina licenciada é filha do próprio ministro!!!

7 Comments:

Blogger chuvamiuda said...

..................
Olá Caro Amigo,

ao ler os teu dois ultimos textos
verifico que há um desencanto
uma revolta até

eu próprio de vez enquando solto algum gritos parecidos com este

no entanto sei que que quando racicionamos friamente
sem o peso da paixão que nos move

nos tornamos mais justos e equilibrados

infelizmente vivemos num país e num mundo
onde as injustiças e disparates não têm cor partidária

lamentávelmente são uma prática comum

..................


Abraço e óptima semana

segunda-feira, novembro 06, 2006 2:21:00 da tarde  
Blogger Papoila said...

Olá Soslayo!
No entanto Portugal ficou em 26º lugar em relação a níveis de corrupção do Estado num ranking de 163 países com 6 e pico pontos numa escala até 10...
Porque será que estes casos não são divulgados?
Beijo

segunda-feira, novembro 06, 2006 7:13:00 da tarde  
Blogger soslayo said...

Papoila:

«Portugal é o 26.º país menos corrupto, segundo estudo
Portugal é o 26.º país menos corrupto na lista da Transparency International (TI), num estudo em que a Finlândia, Islândia e Nova Zelândia surgem nos primeiros lugares.
O índice de corrupção divulgado esta segunda-feira atribui a Portugal 6,6 pontos num máximo de dez, uma décima acima do valor atribuído em 2005.
Na classificação da Transparency International, baseada na opinião de analistas e empresários sobre a corrupção no sector público em 163 países, Portugal encontra-se à frente de países como a Hungria e a Itália, mas atrás da Espanha, da Alemanha e dos EUA.
Angola continua na cauda dos países de língua portuguesa no que respeita a corrupção, apesar de ter melhorado em relação a 2005, passando de 151º lugar para 142º na tabela da TI.

Informação da responsabilidade de Diário Digital © Copyright 2006»

Cá está Papoilinha, também li e reli a notícia mas, como sou outópico gostaria mais de ver Portugal com o índice "0". Como ainda estamos entre os corruptos, a questão é esta, os nossos governantes não podem usar aquela máxima que diz o seguinte: "faz o que eu digo e não faças o que eu faço". Por outras palavras. Como é que se aperta toda a gente e no entanto não cumprem a lei no, 1/3 deste e/ou 1/3 daquele (acumulação de salários claro!)... Um beijinho.

segunda-feira, novembro 06, 2006 9:15:00 da tarde  
Blogger pisconight said...

Boas!!
Só os nossos políticos é que não querem ver que a reforma da Segurança Social passa pelo corte imediato das reformas chorudas que eles próprios aprovam para eles!!!
Um abraço.
;)

segunda-feira, novembro 06, 2006 9:39:00 da tarde  
Anonymous Anónimo said...

Ninguem está acima da lei...mas pelos vistos há excepções a quebrar a regra. Beijos

segunda-feira, novembro 06, 2006 9:44:00 da tarde  
Anonymous soslayo said...

rectifico: Utópico

segunda-feira, novembro 06, 2006 10:47:00 da tarde  
Blogger Thiago Forrest Gump said...

Aí é sacanagem!

terça-feira, novembro 07, 2006 2:06:00 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home





contador